Bem-Vindo à Página Oficial da
Liga dos Combatentes


 

 








 

 

 

 

 








 
 

 

 

  Notícias

ASSEMBLEIA-GERAL


30.04.2019 - A Liga dos Combatentes realizou a sua Assembleia-geral no passado dia 30 de abril. Durante o período da manhã, como já vem sendo habitual, a Direção Central reuniu, no Salão Nobre, onde decorreu todo o evento (quer durante a manhã quer durante a tarde), com os Núcleos para troca de impressões sobre a vida interna da Liga tendo sido apresentadas várias sugestões e trocadas algumas ideias das quais destacamos a proposta de designação de Liga dos Combatentes pela Paz que não obteve grande adesão por parte dos presentes.


Já a sugestão apresentada pelo responsável do Núcleo de Faro da criação de um secretário de Estado dos Combatentes foi vista com grande simpatia, mas sem hipóteses de sucesso, dados os antecedentes, isto é, em tempos já existiu um responsável governamental com esta denominação. Tratou-se de uma reunião muito proveitosa, enriquecida com a presença do Presidente da Association Nationale des Titulaires du Titre de Reconnaissance de la Nation & du Civisme et Dévouement (ANT–TRN), António Jacinto da Silva Manteigas, que doravante passará a fazer parte integrante do Núcleo de Aveiro da Liga dos Combatentes. A auscultação das diversas sensibilidades presentes, traduzir-se-ão, naturalmente, em resultados que irão reflectir-se na vida da LC. Refira-se que a mesa que presidiu aos trabalhos era constituída pelo Presidente da Direção Central, General Chito Rodrigues, pelo Secretário-geral, Coronel Lucas Hilário e pelo Vogal Coronel Eng.º José Gardete.

No período da tarde teve lugar a reunião da Assembleia-Geral propriamente dita com a presença, para além dos representantes dos Núcleos (64 num universo de 106 em território nacional), dos membros do Conselho Supremo e do Conselho Fiscal, tendo conduzido os trabalhos o Presidente da Mesa da AG, General Batista Pereira, secretariado pelo Dr. António Rodrigues e pelo Major Figueiredo.

Depois da intervenção inicial do Presidente da DC, onde abordou de forma circunstanciada as atividades mais relevantes do ano transato e respondeu a alguns esclarecimentos suscitados pelos diversos intervenientes, foi aprovado o Relatório Anual de Atividades e Contas em análise.