Bem-Vindo à Página Oficial da
Liga dos Combatentes


 








 

 

 

 

 








 

 
 

 

 

 

  Notícias

5.º Encontro dos Núcleos do Algarve da Liga dos Combatentes


28.06.2015 - Em 28 de junho de 2015, organizado pelo Núcleo de Olhão realizou-se o 5.º Encontro dos Núcleos do Algarve da Liga dos Combatentes. Presentes os sete Núcleos existentes no Algarve, nomeadamente Faro, Lagoa/Portimão, Lagos, Loulé, Olhão, Tavira e Vila Real de Santo António, num total de mais de trezentas pessoas entre Combatentes e famílias. A cerimónia que decorreu no auditório da Câmara Municipal de Olhão teve a presença, para além do presidente da Liga dos Combatentes, General Chito Rodrigues, do senhor presidente da Câmara Municipal de Olhão, Dr. António Pina, da Vice-presidente, de Presidentes das Juntas de Freguesia, Comandante do Regimento de Infantaria 1 e Capitão do Porto de Olhão.


A sessão iniciou-se após o toque de Alvorada, pela saudação do Núcleo anfitrião a que se seguiu a entrega de Louvores e a homenagem ao Jornal Olhanense pelo apoio dado à difusão das atividades do Núcleo de Olhão. Seguiu-se um momento musical com a atuação do pianista Jorge Silva. A cerimónia continuou com a distinção de sócios Beneméritos, com destaque para a Associação UNIR, Arq. Miguel Caetano e D. Maria A. Dinora e Balduíno N. D. Soares. Foram depois distinguidos com a entrega de medalhas das campanhas diversas a Combatentes dos Núcleos de Olhão e Loulé.

Usou da palavra o General Chito Rodrigues que sublinhou o momento de cultura e o espírito de Defesa que estava a ser vivido e realçou a posição atual dos diferentes Programas Estruturantes da Liga, agradecendo ao presidente do Núcleo de Olhão, João Peres, a excelente organização do evento.

A finalizar o presidente da CM de Olhão enalteceu o excelente trabalho e colaboração do Núcleo da Liga dos Combatentes e deu relevo à necessidade da juventude ser disposta para os Valores que acabava de ver e ouvir. Por isso, com o aplauso espontâneo da assistência defendeu a existência de um serviço militar obrigatório que repusesse na juventude algo que hoje se reconhece não existir. Ele como jovem reconhece que as Forças Armadas são a instituição onde facilmente, e no momento adequado, esses Valores se transmitem aos jovens a ingressar na vida ativa. Ouviu-se de seguida o Hino da Liga dos Combatentes. Após um passeio pela zona histórica da cidade, seguiu-se um almoço-convívio no Pavilhão do Clube Desportivo “Os Olhanenses”, com a participação do Grupo de Música Tradicional Portuguesa “Cantares da Ria”.