Bem-Vindo à Página Oficial da
Liga dos Combatentes


 
 
 

 

 

 








 
 

 

 

 

  Notícias

CONSERVAÇÃO DAS MEMÓRIAS - Trasladação de Restos Mortais de Combatente


Os restos mortais do Soldado Manuel Vaz Montenegro, natural de Cossourado, Paredes de Coura e falecido em Campanha, em 22 de Fevereiro de 1967, no Norte de Moçambique, foram exumados em 15 de Fevereiro de 2018 no Talhão da Liga dos Combatentes, sito no Cemitério de São João de Brito, em Nampula. A família do militar tombado recolheu toda a informação necessária e disponibilizada pela Liga dos Combatentes, tendo desencadeado o processo que possibilitou a expensas próprias, concretizar a trasladação dos restos mortais para Portugal. Por solicitação da família, diretamente apresentada à Liga dos Combatentes, desencadeou-se o processo de trasladação com base nas referências prestadas pela LC à família do Militar tombado.


Com recurso a uma agência funerária portuguesa, foi iniciado o processo de trasladação que teve como intervenientes diretos, a Embaixada de Portugal em Maputo, a Delegada da LC em Nampula e Cônsul Honorária de Portugal naquela cidade Moçambicana e o Diretor da Cooperação Técnico Militar Portuguesa em Nampula.

As diligências encetadas com base nos registos da LC sobre os militares portugueses sepultados no Talhão da LC no Cemitério Municipal de Nampula, tornaram possível concretizar, eficaz e discretamente, esta operação de trasladação de restos mortais de um Combatente português.

Os restos mortais do Soldado Manuel Vaz Montenegro, exumados em Nampula, foram inumados a 24 de Fevereiro no cemitério da freguesia de Cossourado da Vila de Paredes de Coura.

A família manifestou o seu desejo de por razões de discrição que pretendia preservar, que a cerimónia de inumação no cemitério da Freguesia de Cossourado ocorresse com cerimónia religiosa mas sem as honras militares a que tinha direito o Soldado
Vaz Montenegro, tombado em Moçambique, na Guerra do Ultramar, ao Serviço da Pátria.